NOTÍCIAS

Guarani inicia safra 16/17 com previsão de moagem de 20,5 milhões de toneladas de cana-de-açúcar

A Guarani, empresa controlada pelo Grupo cooperativo Tereos, iniciou oficialmente a safra 2016/17 na última quinta-feira, dia 14, com evento na cidade de Bebedouro (SP) para mais de 1.100 fornecedores de cana-de-açúcar de suas sete unidades industriais. Durante o encontro, a companhia anunciou a previsão de moagem de 20,5 milhões de toneladas de cana para este ciclo, incremento de quase um milhão de toneladas em relação à safra anterior, além dos resultados dos investimentos realizados no ano passado.

Jacyr Costa Filho, diretor da Divisão Brasil do Grupo Tereos, explica que no último ciclo, a Guarani Tereos Açúcar e Etanol Brasil investiu aproximadamente R$ 510 milhões em renovação de canaviais, crescimento de produtividade e conservação de energia. “Todos esses fatores permitirão melhores resultados na safra 2016/17”, acrescenta.

Na última safra, a Guarani Tereos Açúcar e Etanol Brasil atingiu capacidade instalada de 1,2 milhão de MWh. A expectativa da empresa é exportar para o Sistema Interligado mais de 1 milhão de MWh em 2016.

Devido ao primeiro déficit global da commodity nos últimos cinco anos, o preço do açúcar seguirá valorizado no mercado internacional em 2016.

“O etanol também estará em alta por conta da forte demanda, que deve permanecer estável ou superior em relação ao último ano, com base nos recordes de venda do biocombustível em 2015”, afirma Pierre Santoul, Diretor-Presidente da Guarani Tereos Açúcar e Etanol Brasil.

Em relação ao clima, o diretor Agrícola da Guarani Tereos Açúcar e Etanol Brasil, Jaime Stupiello, explica que 2016 começou com chuvas acima da média histórica, influenciadas pelo fenômeno El Niño, porém, a partir de maio, espera-se a volta da normalidade climática. 

Entre as autoridades que participaram do evento estavam Elizabeth Farina, Diretora-presidente da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA) e de Arnaldo Jardim, Secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo.

Fundo Social abre inscrições para os cursos de Nutrição e Alimentação Saudável

O Fundo Social de Solidariedade, em parceria com o Senar e Sindicato Rural de Bebedouro, abri inscrições para os cursos de Nutrição e Alimentação Saudável, a partir de segunda-feira (18). Interessados a partir de 16 anos podem entrar em contato das 11h às 16h, no FSS localizado na Prefeitura.

O curso de Nutrição será realizado no dia 11 de maio e o de Alimentação Saudável no dia 18, ambos das 8h às 17h, na Central de Alimentação.

Os interessados devem apresentar cópia do RG e CPF. Informações pelo telefone (17) 3345-9122.

Ribeirão Preto terá prova para certificação profissional em seguros

Os ribeirão-pretanos interessados em fazer o 2º exame da Certificação Profissional da CNseg (Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde Suplementar e Capitalização) podem se inscrever, até o dia 20 de abril, para a prova no site.

No site, o candidato poderá acessar todas as informações relacionadas ao exame, incluindo o conteúdo programático, o calendário e os locais onde serão realizadas as provas. Em Ribeirão Preto, a prova será no dia 22 de junho, na unidade regional da Escola Nacional de Seguros, na avenida Independência, 3166, Jardim Sumaré.

O presidente da CNseg, Marcio Serôa de Araújo Coriolano, acredita que as transformações no setor de seguros exigem mais qualificação de seus agentes.

“É cada vez mais veloz a transformação pela qual passa o setor de seguros, tanto mundialmente quanto localmente. Essa é uma característica estrutural do mercado segurador, que exige, portanto, uma maior qualificação de todos os seus agentes, sejam eles os técnicos e executivos das seguradoras, sejam eles os distribuidores. Nesse cenário, as seguradoras precisam estar ainda mais atentas às novas oportunidades e às novas demandas dos consumidores, desenvolvendo produtos flexíveis e aderentes à capacidade de aquisição destes”, avalia.

Ele destaca ainda que a qualificação já é naturalmente necessária em um setor em evolução permanente.

“Mas, em momentos de crise, de aumento dos custos e de maior necessidade de eficiência, é evidente que pessoas mais capacitadas estarão mais preparadas para atuar em um ambiente mais competitivo”, observa.

Secretaria de Saúde registra 25 casos de H1N1 em Fernandópolis

A Secretaria Municipal de Saúde de Fernandópolis (SP) confirmou nesta segunda-feira (18) mais dois casos de H1N1 na cidade e, com isso, o número de casos subiu para 25 apenas neste ano na cidade. Duas mortes foram registradas na cidade por causa da doença.

Segundo a Secretaria de Saúde, dos 25 casos confirmados, 22 foram realizados pelo laboratório do Instituto Adolfo Lutz e três por laboratório da rede particular. A Campanha Nacional de Vacinação contra o H1N1 em Fernandópolis começa no dia 30 de abril e vai até 20 de maio.

Poderão receber a vacina apenas as pessoas incluídas nos grupos prioritários preconizados pelo Ministério da Saúde. Os grupos são: crianças entre 6 meses e menores de 5 anos, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), trabalhadores da saúde, indígenas, pessoas com doenças crônicas, pessoas com 60 anos ou mais, população prisional e os funcionários do sistema prisional, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas.

Secretário reduz projeção e dengue pode atingir 40 mil em Ribeirão Preto

Durante divulgação nesta segunda-feira (18) dos números atualizados da dengue em Ribeirão Preto (SP) o secretário de Saúde Stênio Miranda reduziu a projeção de casos da doença até junho deste ano -- de 60 mil para 40 mil. Nos três primeiros meses do ano, a cidade registrou 29,4 mil casos, confirmando a pior epidemia de dengue da história.

A queda na projeção, entretanto, é motivada pela redução do número de casos observada no mês de março. Segundo o boletim divulgado nesta segunda, Ribeirão Preto teve 8.090 casos de dengue em março, frente 12,7 mil registrados em fevereiro.

No início do ano, o total estimado pela Prefeitura para o primeiro semestre de 2016 representava em torno de 9% da população local. "Aquela projeção foi feita com base no número de casos que vínhamos tendo e em uma extrapolação dos números que tínhamos dos últimos 28 anos".

Este ano tivemos uma grande incidência nos meses de janeiro e principalmente fevereiro, mas de maneira notável nós tivemos uma queda já a partir da última semana de fevereiro, primeira semana de março", comentou Miranda.

A queda, segundo o secretário, é importante porque representa uma tendência nunca observada durante epidemias de dengue na cidade, sobretudo porque a diminuição dos casos começou a ser observada ainda no período de chuvas.

Prefeito de Miguelópolis é detido em operação contra fraude em licitações

O prefeito de Miguelópolis (SP) Juliano Mendonça Jorge (PRB) foi detido na manhã desta terça-feira (19), durante uma operação do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) contra fraudes em licitações.

Segundo as primeiras informações divulgadas pelo Ministério Público (MP), além de Jorge, outros 10 funcionários e ex-funcionários do departamento de licitações da Prefeitura também foram detidos durante a operação.

Procurada, a assessoria de imprensa da Prefeitura de Miguelópolis não foi encontrada para comentar a operação que deteve o prefeito e funcionários da administração.

De acordo com o promotor Paulo Raduns, do Gaeco de Franca (SP), os suspeitos fraudaram licitações em diversos setores em um esquema de superfaturamento. "Fraude em todo tipo de licitação de vendas identificada em uma investigação de mais de um ano", disse ao G1.

Segundo o MP, as investigações se concentram exclusivamente na Prefeitura de Miguelópolis, mas a operação também faz buscas e apreensões em Ribeirão Preto (SP), Bebedouro (SP), Guaíra (SP) e São José do Rio Preto (SP).

EDIÇÕES ANTERIORES

O seu navegador não é recomendado para uma boa navegação neste site.
Para uma melhor visualização do site atualize-o ou escolha outro navegador.
Saiba mais...
Google ChromeMozilla FirefoxOpera