NOTÍCIAS

Jogos Regionais do Idoso começaram ontem com participação colinense

Começou ontem em Brodowski os Jogos Regionais do Idoso – JOR – que recebe mais de três mil atletas de 61 cidades da região. A cerimônia de abertura aconteceu às 13 horas desta quinta-feira. Colina está sendo representada por 51 atletas nas categorias atletismo, bocha, buraco, coreografia, dominó, malha, truco, vôlei adaptado e xadrez.

Frio faz CBF evitar jogos do Brasileirão às 21h45 no RS

Apenas 22 mil pessoas assistiram à Seleção Brasileira na noite chuvosa do dia 10 de junho, no Beira-Rio, quando um gol solitário de Neymar deu a vitória sobre Honduras. O frio e a forte chuva afastaram a torcida gaúcha. O péssimo público serviu de exemplo para que Alexandre Limeira, vice de administração do Internacional, mostrasse à Confederação Brasileira de Futebol (CBF) o quanto o horário é ruim para os torcedores no inverno.

“Não houve um pedido especial, através de ofício. Naquele jogo, conversamos com a CBF, através do Manuel Flores, dizendo que aquela situação prejudicou o jogo, assim como nos jogos do Inter. No início do ano, conversamos novamente com a CBF, pedindo para que fossem evitados os jogos no horário das 21h45. Foi uma conversa. Acreditamos que a CBF foi de alguma forma sensível ao rigor do inverno gaúcho”, afirmou Limeira.

Até setembro, Grêmio e Internacional não jogarão nenhuma partida no mesmo horário daquele fatídico Brasil x Honduras. Os jogos noturnos do inverno serão evitados – a partida contra o Atlético Paranaense no Beira-Rio, dia 1 de junho, será às 19h30, por exemplo. “Acho uma medida muito boa, a CBF está de parabéns”, afirma Limeira.

O pior público do Internacional no Campeonato Brasileiro de 2015 foi em um jogo disputado às 22h, na vitória por 1 a 0 sobre o Fluminense, com 9,2 mil pagantes. Já o menor número de presentes em uma partida do Grêmio foi em um duelo às 21h, contra o Figueirense – 8,3 mil pagantes.

Pai e filho se agridem por causa de um pedaço de queijo

Após chamado via COPOM às 16h de quarta-feira, os policiais militares se deslocaram até uma casa na Rua Luiz Gustavo da Costa Cubas, no bairro do Patrimônio, onde encontraram o senhor F.V, de 53 anos e logo em seguida chegou ao local H.C.V, de 23.

F.V relatou aos pms que é pai de H.C.V e ambos moram na mesma casa. Na data dos fatos ele deu um pedaço de queijo para sua vizinha, e seu filho não gostou que ele fez isso e os dois vieram a discutir, sendo que o rapaz passou a lhe agredir com socos na cara e depois disso ainda quebrou os vidros da janela.

Por sua vez H.C.V relatou que seu pai estava embriagado e pegou uma faca para lhe agredir e para se defender praticou as agressões.

H.C.V se feriu ao tentar tomar a faca do pai e já tinha ido ao PAM para fazer curativo. Ele também disse que convive com o pai, pois o mesmo é alcoólatra, mas que devido aos acontecimentos decidiu que vai sair de casa.

Colina conquista o penta do Estadual de King Fu

Pela quinta vez os alunos do projeto Dragão Branco de Liu Thuco Pa Kung Fu soltaram o grito de É Campeão! No estadual da modalidade. A trigésima segunda edição foi realizada ontem no ginásio municipal de esportes e os 24 atletas colinenses deram um show nas lutas e nas provas de formas. 

PM promove audiência pública hoje

A Polícia Militar de Colina realizará hoje, ás 20h, na Câmara Municipal, audiência pública para prestação de contas sobre o trabalho da PM na cidade. Na oportunidade, o assunto será tratado pelo comandante da PM de Colina, o Sargento Eder Ferreira da Silva.

Colina recebe professores do MEC para recredenciamento do Polo EaD

Colina recebeu na EMEF Cel. José Venâncio Dias, a visita de dois professores avaliadores do Ministério da Educação e Cultura – MEC, para verificação das condições estruturais da escola e funcionais do Curso Superior de Ciências Contábeis, mantido em parceria com o Centro Universitário de Rio Preto – UNIRP, na modalidade de Educação a Distância.

Na ocasião, os professores avaliadores estiveram acompanhados das autoridades educacionais da UNIRP representadas por membros do corpo administrativo da instituição: a Pró-Reitora Acadêmica, Profª. Agdamar Affinni Sufredini; o Pró-Reitor de EaD, Profº. Dr. Ricardo Costa e o Coordenador Pedagógico do Curso de Ciências Contábeis, Profº. Walter Mazzotti Filho.

A equipe de profissionais foi recebida na EMEF Cel. José Venâncio Dias pela Diretora da Escola, Professora Liliana Jorge Drubi Taha; pelo Coordenador Técnico de EaD, Professor Giuliano Branco e pela Secretária de Educação e Cultura designada, Professora Elizabete Milani Neme, que ciceronearam a delegação durante todo o tempo da avaliação.

O processo de avaliação contou ainda com entrevista às alunas Terezinha Ramadan Paro, Priscila Cristina Soares e Heide Diane Vieira, graduandas do Curso de Ciências Contábeis no Pólo de Colina.

A Professora Ms. Maria Elisabeth Pereira Kraemer, é docente da Universidade do Vale do Itajaí – UNIVALI – no Estado de Santa Catarina e o Professor Dr. Nilton Cesar Lima é docente e diretor da Faculdade de Ciências Contábeis – FACIC – da Universidade Federal de Uberlândia – no Estado de Minas Gerais.

No Brasil, o diploma de graduação de um curso superior presencial ou a distância tem a mesma valoração. Todavia, para que isso ocorra, nos dois casos, o curso precisa ser reconhecido pelo MEC, que é a instituição responsável por credenciar, autorizar, reconhecer e avaliar todas as instituições de ensino superior do país, tanto presenciais como a distância (EaD).

O MEC se utiliza de diferentes instrumentos para avaliar o ensino superior no país e os mesmos conceitos valem para os cursos presenciais e a distância. São considerados na avaliação: a titulação do corpo docente, o desempenho dos alunos, as instalações físicas e a infraestrutura do prédio escolar, os recursos didático-pedagógicos, entre outros. As notas variam de 1 a 5, sendo que os conceitos 1 e 2 são considerados insatisfatórios. A avaliação é presencial e no caso dos cursos a distância é feita nos pólos de apoio presencial.

Esta é a segunda vez que a EMEF Cel. José Venâncio Dias recebe avaliadores do MEC. A primeira, ocorrida no ano de 2008, se deu em decorrência do credenciamento do Pólo de Colina, avaliado satisfatoriamente com a nota 4, conforme publicação no D.O.U. de 09/06/2011. A partir de então, o Pólo de Colina vem anualmente realizando processos seletivos para o ingresso nos cursos superiores de Administração, Ciências Contábeis e Pedagogia, sendo que no ano de 2015 foram diplomadas as primeiras turmas.

EDIÇÕES ANTERIORES

O seu navegador não é recomendado para uma boa navegação neste site.
Para uma melhor visualização do site atualize-o ou escolha outro navegador.
Saiba mais...
Google ChromeMozilla FirefoxOpera