NOTÍCIAS

Vereador Ailton Camargo reivindica, em Ribeirão Preto, melhorias na área da segurança pública

O vereador colinense Ailton Bueno de Camargo esteve em Ribeirão Preto, na tarde do último dia 07 de abril, visitando o CPI-3 – Comando de Policiamento do Interior e o Deinter 3 – Departamento de Polícia Judiciária de São Paulo Interior, para reiterar reivindicações que fez no ano de 2013, ao então Secretário de Estado da Segurança Pública, Dr. Fernando Grella Vieira, para beneficiar Colina na área da segurança pública.

Na oportunidade, o vereador foi recebido, inicialmente, pelo Tenente Coronel Humberto Gouvêa Figueiredo, Comandante do CPI-3 e em seguida pelo Delegado de Polícia João Osinski, Diretor do Deinter 3.

No CPI-3, o parlamentar colinense solicitou a destinação de duas motos ROCAM (Ronda Ostensiva Com o Apoio de Motocicletas), para a Polícia Militar de Colina, e contou com a intercessão do Deputado Estadual Carlos Bezerra Júnior, às suas reivindicações, cujo objetivo é reforçar o policiamento preventivo local.

Em conversa com o Delegado Osinski, no Deinter 3, o vereador falou sobre os problemas de segurança enfrentados pelo município de Colina. A falta de efetivo da Polícia Civil no município foi pontuada como um dos problemas enfrentados, por isso solicitou a designação de investigadores de Polícia para atuarem na Delegacia de Polícia colinense e informou que a medida irá contribuir sobremaneira na continuidade dos trabalhos da unidade policial local no tocante à Polícia Judiciária.

O Prefeito “Mi” agradeceu a Câmara Municipal de Colina pela parceria constante, parabenizou a atitude do vereador Ailton Camargo e ressaltou que o trabalho neste sentido já vem de longa data. “Estamos confiantes na conquista das solicitações feitas, que certamente contribuirão para minimizar o problema da criminalidade e proporcionar maior tranquilidade para a comunidade colinense”.

Campanha do Agasalho 2016 inicia arrecadação em Colina

A Prefeitura de Colina, por meio do Fundo Social de Solidariedade iniciou na última segunda-feira, 02 de maio, a Campanha do Agasalho 2016. Como nas edições anteriores, prioriza a arrecadação de peças novas ou em bom estado de conservação.

Além de roupas de inverno e de verão – infantis e adultos – também são aceitos calçados, cobertores e edredons, desde que estejam em bom estado de conservação para o uso.

“Acreditamos na solidariedade do colinense e na sensibilidade de entender que aquelas pessoas que precisam de nossa ajuda, merecem o melhor. Por essa razão o tema da Campanha 2016 continua sendo: ‘Roupa boa, a gente doa! ’. É fundamental que as doações estejam limpas e em ótimo estado”, ressalta a Presidente do Fundo Social colinense, Profª. Silvia Helena Gomes Moralles.

A população pode realizar a doação das roupas nos seguintes pontos de arrecadação: no Fundo Social de Solidariedade; nas Escolas da Rede Municipal de Ensino; nos prédios públicos municipais; nas Unidades Básicas de Saúde – UBS’s e estabelecimentos comerciais.

As famílias interessadas em receber o “kit de inverno” devem cadastrar-se a partir do próximo dia 09 de maio na Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, localizada na Av. Dr. Moacyr Vizzotto, nº. 14, com atendimento de segunda à sexta-feira, das 8h às 17h.

Dono de farmácia é preso por coagir agentes sanitários em Serra Azul

Ex-líder do PMDB em Serra Azul (SP), Antônio Marcos Fagundes foi preso temporariamente nesta quarta-feira (5), pelo período de cinco dias, por suspeita de obstruir a investigação da Polícia Civil sobre o roubo de uma carga de medicamentos em Batatais (SP).

Fagundes, que é proprietário de uma farmácia na cidade e também estaria envolvido no roubo dos remédios, passou a coagir agentes da Vigilância Sanitária, de acordo com informações da Polícia Civil. Essa é a segunda vez que ele é preso em 23 dias.

O advogado Flávio Tiepolo negou as acusações contra Fagundes e disse que a nova prisão é desnecessária. Apesar disso, o defensor afirmou que não pretende entrar com pedido de habeas corpus ao cliente.

Inicialmente, a assessoria estadual do PMDB informou que aguardaria as investigações da polícia para decidir o que seria feito. Em seguida, comunicou que Fagundes havia renunciado ao cargo no partido após a primeira prisão.

Na farmácia dele, a polícia apreendeu quatro lotes de medicamentos que constam no site da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) como sendo produto de roubo. O estabelecimento foi lacrado por cinco dias.

"Ele informou que apenas vendia os produtos, era um receptador. Alegou que não participou do roubo. A princípio, ele responde por associação criminosa, receptação, coação no curso do processo e crime contra as relações de consumo", disse o delegado Eduardo Martinez.

Mulher é detida pela Polícia Civil após matar aposentado em Bebedouro

Uma ajudante geral de 33 anos foi presa no início da tarde de quinta-feira (05) por agentes da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) em Bebedouro.

Ela durante a madrugada teria matado com quatro golpes de marreta na cabeça um aposentado de 72 anos com quem convivia há uma semana.

O crime aconteceu por volta das 03h00 de quinta – feira em uma residência no Jardim Delúcia.

A suspeita por volta das 12h00 simulou o encontro do corpo passando a gritar por socorro.

Vizinhos acionaram a polícia, e quando os policiais chegaram encontraram o aposentado morto numa cama de solteiro na sala do imóvel com ferimentos na cabeça.

Os investigadores desconfiaram de uma possível participação da mulher na autoria do homicídio e a levaram até a DIG onde ela confessou o crime.

Ela alegou que durante a madrugada juntamente companheiro consumiram drogas e acabaram se desentendendo.

A mulher disse que teria sido agredida com um soco, após dizer para o aposentado que iria sair e inclusive se prostituir para conseguir mais dinheiro para o consumo de entorpecente.

A ajudante geral teria esperado a vítima dormir e em seguida cometeu o crime.

A mulher que já cumpriu pena por roubo, foi autuada em flagrante pelo delegado Carlos Alberto Lopes Martins por homicídio qualificado e recolhida à cadeia de Viradouro.

Furto de bicicleta em residência no bairro Nova Barretos

Morador na Rua Rui Rocha, bairro Nova Barretos, o vendedor L.H.S., 35 anos, esteve por meios próprios no 1º Distrito Policial e noticiou que saiu de sua residência por volta das 7:00 horas, deixando em sua garagem duas bicicletas.

Quando ele retornou, por volta das 18:00 horas, ele deu pela falta de uma das bicicletas, sendo ela da marca Gallo, cor de rosa, aro 26, presumindo o seu furto.

Ainda de acordo com a vítima, a cerca elétrica instalada sobre o muro estava danificada, caracterizando que o autor adentrou ao imóvel depois de escalar o muro e causar danos na cerca.

O caso foi encaminhado ao setor competente.

Aluno arremessa lixeira contra professor em sala de aula

Um professor de 30 anos, o qual se identificou como D.A.P., esteve no 1º Distrito Policial e noticiou que atua em uma escola da rede pública estadual em Barretos e durante a aula de Geografia que ele ministrava, um aluno do 6º ano se recusou a realizar as atividades, e acabou por ser advertido. Como o aluno se recusava a realizar as atividades, o professor retirou dele o caderno de desenho, e solicitou que ele se retirasse da sala de aula, ocasião em que o aluno se recusou a sair. Disse o professor que ele colocou a mão no ombro do aluno para conduzi-lo a sair da sala, momento em que o aluno pegou uma lixeira de alumínio e arremessou contra o professor, que conseguiu conter com a mão, causando um pequeno corte em sua unha. O caso foi encaminhado ao setor competente. 

EDIÇÕES ANTERIORES

O seu navegador não é recomendado para uma boa navegação neste site.
Para uma melhor visualização do site atualize-o ou escolha outro navegador.
Saiba mais...
Google ChromeMozilla FirefoxOpera